fbpx

Lucia Torres

IN CHANGE CONSULTORIA

VOCÊ ESTÁ SATISFEITO COM OS RESULTADOS COMERCIAIS DA SUA EMPRESA, AS ABORDAGENS DE MARKETING, OS MODELOS DE GESTÃO?

Quem não se adapta às mudanças, não sobrevive no mercado.

0

É preciso contextualizar a sua empresa dentro da nova realidade e da concorrência. Digo isto sempre por aqui!

No ultimo post, contei sobre como as novas tecnologias impactaram o mercado de calculadoras e como foi a aceitação de mudanças, na empresa para a qual, eu gerenciava o Comercial e Marketing para a America Latina.

Segue link, para quem quiser revisitar o post:

https://www.linkedin.com

Terminei dizendo, que a maior estratregia que pudemos utilizar foi a capacitação de professores, não apenas no manuseio das calculadoras, mas na compreensão de que esta tecnologia os ajudaria a criar aulas mais ludicas.

Para conduzir todo este Projeto de capacitação da América Latina, contamos com o melhor que podiamos sonhar em ter a nosso lado: Mestre, Doutor e Gerente de Negocios academicos para a nossa empresa: o Professor Doutor Cesar Lau. que alem de extremamente capaz, tem uma visão muito arrojada de como mudar modelos educacionais e indo ainda mais fundo, como estimular o uso dessa tecnologia através da conscientização e ensino do professor, desmistificando a crença de muitos, de que, a tecnologia é pouco eficiente, simplesmente por não estarem tão envolvidos a ponto de a levarem para o ambiente acadêmico e lançarem mão desse recurso para melhorar a qualidade do ensino.

O problema: as calculadoras científicas, as gráficas e as financeiras, ainda tem fácil entrada em escolas de ensino médio e universidades na América Latina, mas… Como vencer a resistência de boa parte dos professores, os quais, eles próprios, não usam calculadoras, por, em alguns casos, não saberem usá-las, ou por acreditarem que substituem o raciocínio do estudante?!

O desafio: “convencer” diretores e professores, que a calculadora é uma ferramenta tecnológica que pode transformar a educação, desafiando maneiras tradicionais de aprendizado, oferecendo novas maneiras de motivação e trazendo incessantes oportunidades de criatividade.

A estratégia: a capacitação para docentes, e não apenas sobre o uso do produto em si, mas de como criar um ambiente “lúdico” em sala de aula, introduzindo novas maneiras de ensino – aprendizado. E, agregado a isto, a instalação de emuladores, para aulas mais interativas.

Que tal “capacitar” formadores de opinião, para que estes, adeptos e usuários de seu produto, passem a divulgá-lo, juntamente ao consumidor final?

Em muitos países, a repercussão foi tamanha que houve parcerias com os próprios Governos, via Ministérios da Educação.

Entender a demanda é fato necessário, e entender oportunidades, mais ainda.

Complicado! Diriam alguns. As de bolso e as de escritório estão perdendo lugar para as “chinesas” de baixo valor, ou para os celulares, mais acessíveis hoje em dia, por estarem em nossos bolsos e bolsas, então:

Projetos como este são interessantes na geração de demanda sustentável, pois trazem a oportunidade de se alterar os modelos educacionais, fazendo com que professores se estabeleçam como formadores de opinião, contribui com a qualidade da educação, faz diferença com colaboradores e solidifica a imagem da empresa no mercado, perante Governos e população, como responsável e contribuinte para um futuro melhor para a população.

O que fica aqui e que pode ser aplicado à sua realidade?

É a importância de entender o contexto da sua empresa no mercado – um dos pilares do Change Management e desta visão clara, aproveitar e criar oportunidades.

O resultado: a empresa continuou com vendas sólidas e sustentaveis e aumentou, significativamente, o market share em diversos paises!

Do desafio, veio a oportunidade!

Vale dizer, que este projeto e sua metodologia de aplicação virou case internacional, apresentado na matriz, no Japão,

Para quem quiser saber mais detalhes, ou quiser falar sobre a sua empresa, podem me escrever e será um prazer conversarmos! 

Abs.

Parceiros:
UDEMY
Logo Conquer